Guajará e os distritos de PVH – Extrema e Vista Alegre do Abunã (quinta-feira, 05 de junho)

Compartilhe:

O Antônio Medeiros é o diretor do Hospital Regional de Extrema – um líder fortíssimo na região. Ele nos presenteou com um café da manhã em sua casa com muitos convidados. Amigos dele. Gente de órgãos púbicos, comerciantes, donas de casa, trabalhadores rurais. Em torno de 70 pessoas. Nos apresentou a todos. Fizemos discursos rápidos. Ele demonstrou ser uma liderança muito forte e admirável por todos ali.

Também fiz uma visita à Edilene, na Coordenadoria Regional de Educação (Crea). Foi uma visita rápida a ela e aos professores do distrito de Extrema. Edilene é muito dinâmica, está comigo desde o início do governo. Trabalhamos juntos todo o período do meu governo. É uma menina maravilhosa. Muito competente.

Antes, participei do programa Giro Musical, apresentado por Melo Silva, da Rádio Comunitária Educadora. Diversos assuntos abordados, mas destaquei os investimentos na saúde. Quando assumi o governo, cerca de 1500 pessoas eram atendidas por mês no Hospital Regional de Extrema. Esse número mais que dobrou. Reformamos o centro cirúrgico, ampliamos o quadro de funcionários, fizemos aquisição de aparelho de raio-x, adquirimos mais ambulâncias, enfim, melhoramos o desempenho da saúde pública para  beneficiar  os moradores dos distritos de  Abunã, Nova Califórnia, Vista Alegre, Fortaleza do Abunã e Extrema. Um serviço impressionante que o Estado passou a prestar naquela região. É com muita alegria, depois do final do mandato sair de cabeça erguida sabendo que ajudamos a melhorar a vida de muita gente.

Em Extrema, visitei ainda as obras de instalações do frigorífico “FrigoEX”, do empresário Uilis Faria. Alguns ajustes burocráticos de  documentação estão em andamento. Acredito que em breve serão sanados as pendencias, e tão logo comece a funcionar para aquecer a economia da Ponta do Abunã, que possui um rebanho de aproximadamente 390 mil cabeças de gado. A previsão inicial é abater 100 animais/dia, quando estiver em pleno funcionamento, a meta é abater 400 animais/dia. O frigorífico está sendo construído com recursos próprios.

Visita à Associação dos Amigos de Vista Alegre do Abunã. Um clube privado, organizado para promover o bem-estar dos associados, mas também se discute os problemas que afligem os moradores, como as infraestrutura escassas no distrito. São 40 sócios ativos. Batista é o presidente – pessoa muito articulada e com uma vontade gigante de ver o progresso da comunidade local. Eu fui lá participar de um bate papo com o pessoal. Empresários, madeireiros, extrativistas, representantes de órgãos públicos, da educação, da saúde. Líderes formadores de opinião. Gostei muito do encontro.

Passei ainda na casa do Bacana, um agricultor familiar e extrativista mineral de Vista Alegre do Abunã. Fui conhecer sua produção de açaí e as técnicas de cultivo de leguminosas e de outras plantas que ele desenvolve no quintal da casa de apenas um hectare. Agora, ele também quer produzir cacau híbrido e sonha em criar peixe ali mesmo. Fiquei impressionado com a sua criatividade e as suas alternativas de produção. Um gênio.

No período da noite, em Guajará-Mirim, um bate papo na casa do Wilson. Quase cem pessoas reunidas. Muitos eu já conhecia, outros  conheci ali. Amigos do partido, correligionários do MDB. e também aqueles que não são ligados a partido nenhum. Foi um encontro com lideranças. Extrativistas, gente da comunidade de Iata, de associações rurais da região. Muita gente influente de Guajará Mirim, entre eles, vários vereadores. Foi um encontro muito proveitoso. Foi o fechamento da nossa visita à Guajará-Mirim,

Compartilhe: